Guia completo para iniciantes sobre Finança Descentralizada (DeFi)
P√°gina Inicial
Artigos
Guia completo para iniciantes sobre Finança Descentralizada (DeFi)

Guia completo para iniciantes sobre Finança Descentralizada (DeFi)

Intermedi√°rio
Publicado em Dec 16, 2019Atualizado em Jun 9, 2023
15m

Conte√ļdo


O que é Finança descentralizada (DeFi)?

A Finan√ßa Descentralizada (ou simplesmente DeFi) se refere a um ecossistema de aplica√ß√Ķes financeiras que s√£o constru√≠das no topo das redes blockchain.¬†
Mais especificamente, o termo Finan√ßa Descentralizada pode ser entendido como um movimento que visa criar um ecossistema de servi√ßos financeiros de c√≥digo aberto, sem necessidade de permiss√£o (permissionless) e transparente, dispon√≠vel para todos e operando sem nenhuma autoridade central. Os usu√°rios mant√™m controle total sobre seus ativos e interagem com esse ecossistema por meio de aplica√ß√Ķes descentralizadas (dApps) peer-to-peer (P2P).
O principal benef√≠cio do DeFi √© o f√°cil acesso a servi√ßos financeiros, especialmente para aqueles que est√£o isolados do sistema financeiro atual. Outra potencial vantagem do DeFi √© a estrutura modular em que ele √© constru√≠do - ¬†aplica√ß√Ķes interoper√°veis DeFi em blockchains p√ļblicas podem criar mercados, produtos e servi√ßos financeiros totalmente novos.¬†

Este artigo ir√° fornecer informa√ß√Ķes introdut√≥rias sobre o DeFi, suas poss√≠veis aplica√ß√Ķes, promessas, limita√ß√Ķes e muito mais.


Quais s√£o as principais vantagens do DeFi?

As finan√ßas tradicionais dependem de institui√ß√Ķes para atuar como intermedi√°rios, como bancos, al√©m de outras como tribunais que atuam como mediadores.¬†

As aplica√ß√Ķes DeFi n√£o precisam de intermedi√°rios ou mediadores. O c√≥digo especifica a resolu√ß√£o de todas as poss√≠veis disputas e os usu√°rios mant√™m o controle sobre seus fundos o tempo todo. Isso reduz os custos associados ao fornecimento e uso desses produtos e permite um sistema financeiro com menos atritos.

Como esses novos servi√ßos financeiros s√£o implantados no topo de blockchains, pontos √ļnicos de falha s√£o eliminados. Os dados s√£o registrados na blockchain e espalhados por milhares de n√≥s, tornando a censura ou o poss√≠vel desligamento de um servi√ßo, uma tarefa muito complicada.¬†

Como as estruturas para aplica√ß√Ķes DeFi podem ser constru√≠das antecipadamente, a implanta√ß√£o de uma se torna bem menos complicada e muito mais segura.

Outra vantagem significativa de um ecossistema aberto é a facilidade de acesso para indivíduos que, de outra forma, não teriam acesso a nenhum serviço financeiro. Como o sistema financeiro tradicional depende do lucro de intermediários, seus serviços geralmente estão ausentes em comunidades de baixa renda. No entanto, com o DeFi, os custos são significativamente reduzidos e indivíduos de baixa renda também podem se beneficiar de uma ampla gama de serviços financeiros.


Quais s√£o os potenciais casos de uso do DeFi?

Empréstimos

Os protocolos de empr√©stimo aberto s√£o um dos tipos mais populares de aplica√ß√Ķes que fazem parte do ecossistema DeFi. Os empr√©stimos abertos e descentralizados apresentam muitas vantagens sobre o sistema de cr√©dito tradicional como liquida√ß√£o instant√Ęnea de transa√ß√Ķes, garantia de ativos digitais, nenhuma verifica√ß√£o de cr√©dito e possibilidade de padroniza√ß√£o no futuro.¬†

Como esses servi√ßos de empr√©stimo s√£o constru√≠dos em blockchains p√ļblicas, eles minimizam a quantidade de confian√ßa necess√°ria e garantem os m√©todos de verifica√ß√£o criptogr√°fica. Mercados de empr√©stimos na blockchain reduzem o risco de contraparte e fazem com que os empr√©stimos sejam mais baratos, mais r√°pidos e estejam dispon√≠veis para mais pessoas.

Serviços bancários monetários

Como as aplica√ß√Ķes DeFi s√£o, por defini√ß√£o, aplica√ß√Ķes financeiras, os servi√ßos banc√°rios monet√°rios s√£o um √≥bvio caso de uso para elas. Dentre esses servi√ßos podemos incluir a emiss√£o de stablecoins (moedas est√°veis), hipotecas e seguros.

√Ä medida que a ind√ļstria blockchain amadurece, existe um foco maior na cria√ß√£o de stablecoins. Elas s√£o um tipo de criptoativo normalmente vinculado a um ativo do mundo real, mas que pode ser transferido digitalmente com relativa facilidade. Como os pre√ßos das criptomoedas podem flutuar muito rapidamente, as stablecoins descentralizadas podem ser adotadas para uso di√°rio como um dinheiro digital que n√£o √© emitido nem monitorado por uma autoridade central.¬†

Principalmente por conta do n√ļmero de intermedi√°rios que precisam ser envolvidos, o processo de obten√ß√£o de uma hipoteca √© caro e demorado. Com o uso de contratos inteligentes, as taxas legais e de subscri√ß√£o podem ser reduzidas significativamente.

Os seguros na blockchain poderiam eliminar a necessidade de intermediários e permitir a distribuição dos riscos entre muitos participantes. Isso pode resultar em premiums (prêmios) menores mas com a mesma qualidade de serviço. 

Se quiser ler mais sobre blockchain e serviços bancários, recomendamos a leitura de nosso artigo Como a Tecnologia Blockchain irá impactar o Setor Bancário.

Mercados descentralizados

Essa categoria de aplica√ß√Ķes pode ser muito dif√≠cil de avaliar, pois √© o segmento de DeFi que oferece mais espa√ßo para inova√ß√£o financeira.¬†

Indiscutivelmente, algumas das aplica√ß√Ķes DeFi mais cruciais s√£o as exchanges descentralizadas (DEX). Essas plataformas permitem que os usu√°rios negociem ativos digitais sem a necessidade de um intermedi√°rio confi√°vel (a exchange) para manter seus fundos. As trades s√£o feitas diretamente entre carteiras de usu√°rios com a ajuda de contratos inteligentes.¬†

Como exigem muito menos trabalho de manutenção, as exchange descentralizadas geralmente têm taxas de trading mais baixas do que as exchanges centralizadas. 

A tecnologia Blockchain tamb√©m pode ser usada para emitir e consentir a propriedade de uma v√°rios instrumentos financeiros convencionais. Essas aplica√ß√Ķes funcionariam de maneira descentralizada, eliminando pontos √ļnicos de falha e a necessidade de usu√°rios custodiantes.

As plataformas de emiss√£o de tokens de seguran√ßa, por exemplo, podem fornecer as ferramentas e os recursos para emissores lan√ßarem t√≠tulos tokenizados na blockchain com par√Ęmetros personaliz√°veis.¬†

Outros projetos podem permitir a criação de derivativos, ativos sintéticos, mercados de previsão descentralizados e muito mais.


Qual o papel dos contratos inteligentes no DeFi?

A maioria das aplica√ß√Ķes de Finan√ßa Descentralizada envolve a cria√ß√£o e execu√ß√£o de contratos inteligentes. Enquanto um contrato comum usa terminologia legal para especificar os termos do relacionamento entre os participantes de um contrato, o contrato inteligente usa c√≥digo computacional.

Como seus termos s√£o escritos em c√≥digo de computador, os contratos inteligentes tamb√©m t√™m a capacidade exclusiva de impor esses termos por meio de c√≥digos. Isso permite a execu√ß√£o e automa√ß√£o confi√°veis de um grande n√ļmero de processos de neg√≥cios que atualmente exigem supervis√£o manual.

O uso de contratos inteligentes √© mais r√°pido, f√°cil e reduz o risco para ambas as partes. Por outro lado, contratos inteligentes tamb√©m introduzem novos tipos de riscos. Como o c√≥digo de computador √© propenso a ter bugs e vulnerabilidades, o valor e as informa√ß√Ķes confidenciais bloqueadas nos contratos inteligentes podem estar em risco.


Quais os desafios enfrentados pelo sistema DeFi?

  • Baixo desempenho: blockchains s√£o mais lentas que suas contrapartes centralizadas e isso se reflete nas aplica√ß√Ķes criadas sobre elas. Os desenvolvedores de aplica√ß√Ķes DeFi precisam levar em conta essas limita√ß√Ķes e otimizar seus produtos adequadamente.
  • Alto risco de erro de usu√°rios: aplica√ß√Ķes DeFi transferem a responsabilidade dos intermedi√°rios para o usu√°rio. Este pode ser um aspecto negativo para muitos. Projetar produtos que minimizem o risco de erro do usu√°rio √© um desafio particularmente dif√≠cil quando os produtos s√£o implantados em blockchains imut√°veis.
  • M√° experi√™ncia do usu√°rio: atualmente, o uso de aplica√ß√Ķes DeFi requer um esfor√ßo adicional por parte do usu√°rio. Para que aplica√ß√Ķes DeFi sejam um elemento central do sistema financeiro global, elas devem fornecer um benef√≠cio tang√≠vel que incentive os usu√°rios a migrar do sistema tradicional para o novo sistema.
  • Ecossistema desorganizado: encontrar a aplica√ß√£o mais adequada para um caso de uso espec√≠fico pode ser uma tarefa muito dif√≠cil e os usu√°rios precisam ter a capacidade de encontrar as melhores op√ß√Ķes. O desafio n√£o √© apenas construir as aplica√ß√Ķes, mas tamb√©m pensar em como elas se encaixam em um ecossistema DeFi mais amplo.


Qual é a diferença entre DeFi e Open Banking?

O sistema banc√°rio aberto refere-se a um sistema banc√°rio no qual os prestadores de servi√ßos financeiros terceirizados recebem acesso seguro aos dados financeiros atrav√©s de APIs. Isso possibilita a exist√™ncia de uma rede de contas e dados incluindo bancos e institui√ß√Ķes financeiras n√£o banc√°rias. Essencialmente, isso possibilita novos tipos de produtos e servi√ßos no sistema financeiro tradicional.¬†

O DeFi, no entanto, prop√Ķe um sistema financeiro totalmente novo, independente da infraestrutura atual. O sistema DeFi tamb√©m √© conhecido como open finance (finan√ßas abertas).

Por exemplo, o sistema banc√°rio aberto pode permitir o gerenciamento de todos os instrumentos financeiros tradicionais em uma √ļnica aplica√ß√£o, extraindo dados de v√°rios bancos e institui√ß√Ķes de forma segura.¬†

Por outro lado, a Finança Descentralizada poderia permitir o gerenciamento de novos instrumentos financeiros e novas maneiras de interagir com eles.


Considera√ß√Ķes finais

O foco da Finança Descentralizadas é a criação de serviços financeiros separados do sistema financeiro e político tradicional. Isso possibilita um sistema financeiro mais aberto e poderia potencialmente impedir precedentes de censura e discriminação em todo o mundo.

Embora seja uma ideia tentadora, nem tudo se beneficia da descentraliza√ß√£o. Encontrar os casos de uso mais adequados para as caracter√≠sticas das blockchains √© fundamental na constru√ß√£o de um conjunto √ļtil de produtos de sistema financeiro aberto.

Se o sistema DeFi for implantado com sucesso, ele ir√° assumir o poder de grandes organiza√ß√Ķes centralizadas e o colocar√° nas m√£os da comunidade de c√≥digo aberto e dos usu√°rios. Se isso vai ou n√£o criar um sistema financeiro mais eficiente, s√≥ saberemos quando a DeFi estiver pronta para ser adotada globalmente.