Guia Sobre Bid-Ask Spread e Slippage
Índice
Introdução
O que é o bid-ask spread (spread de compra e venda)?
Market makers e o bid-ask spread (spread de compra e venda)
Profundidade dos gráficos e o bid-ask spread (spread de compra e venda)
Porcentagem do Bid-ask spread (spread de compra e venda)
O que é slippage?
Slippage positivo
Tolerância de slippage
Considerações finais
Guia Sobre Bid-Ask Spread e Slippage
InícioArtigos
Guia Sobre Bid-Ask Spread e Slippage

Guia Sobre Bid-Ask Spread e Slippage

Iniciante
Published Jun 10, 2021Updated Sep 13, 2021
7m

TL;DR 

O Bid-ask spread é a diferença entre o preço mais baixo pedido por um ativo e seu maior lance de compra. Ativos líquidos como o Bitcoin têm um spread menor do que ativos com menor liquidez e volume de trading.

O Slippage ocorre quando um trade é concluído por um preço médio diferente do solicitado inicialmente. Muitas vezes acontece durante a execução de ordens a mercado (market orders). Se não houver liquidez suficiente para preencher a sua ordem ou se o mercado estiver volátil, o preço final pode variar. Para combater o efeito de slippage com ativos de baixa liquidez, você pode tentar dividir sua ordem em parcelas menores.


Introdução

Ao comprar e vender ativos em uma corretora de criptomoedas, os preços de mercado estão diretamente relacionados à oferta e à demanda. Além do preço, outros fatores importantes são o volume de trading, a liquidez do mercado e os tipos de ordem. Dependendo das condições de mercado e dos tipos de ordem, nem sempre é possível obter o preço desejado para um trade.

Existe uma negociação constante entre compradores e vendedores que cria um spread entre os dois lados. Por isso, o nome "bid-ask spread" (spread entre o preço de compra e venda). Dependendo da quantidade a ser negociada e da volatilidade de um ativo, você também pode encontrar o efeito de slippage (falaremos mais sobre isso). Portanto, para evitar surpresas, é uma ótima ideia obter alguns conhecimentos básicos sobre a carteira de ordens de uma Corretora.


O que é o bid-ask spread (spread de compra e venda)?

O bid-ask spread (spread de compra e venda) é a diferença entre o preço de oferta mais alto e o preço de venda mais baixo do livro de ordens. Em mercados tradicionais, o spread é geralmente criado pelos market makers ou por corretores provedores de liquidez. Em mercados de criptomoedas, o spread é a diferença entre as ordens Limite de compradores e vendedores.
Se você quiser fazer uma compra instantânea pelo preço de mercado, precisará aceitar o preço de venda mais baixo de um vendedor. Se quiser fazer uma venda instantânea, você aceitará o preço de oferta mais alto de um comprador. Ativos mais líquidos (como ativos Forex) têm um spread mais estreito, ou seja, os compradores e vendedores podem executar suas ordens sem causar mudanças significativas no preço do ativo. Isso se deve ao grande volume de ordens disponíveis no livro de ordens. Um spread mais amplo causa flutuações de preço mais significativas ao preencher ordens de grande volume.


Market makers e o bid-ask spread (spread de compra e venda)

O conceito de liquidez é essencial para os mercados financeiros. Ao fazer trades em mercados de baixa liquidez, você pode acabar esperando por horas ou até dias até encontrar correspondência de outro trader para a sua ordem.

A criação de liquidez é importante, mas nem todos os mercados têm liquidez suficiente gerada por traders individuais. Nos mercados tradicionais, por exemplo, corretores e market makers fornecem liquidez em troca de lucros obtidos com a arbitragem.

Um market maker pode tirar vantagem de um spread simplesmente comprando e vendendo um ativo simultaneamente. Ao vender e comprar pelos melhores preços de venda e compra disponíveis, repetidamente, os market makers podem usar o spread como lucro de arbitragem. Mesmo um pequeno spread pode gerar lucros significativos se uma grande quantidade for negociada. No caso de ativos com alta demanda, existe mais competição entre os market makers, por isso o spread é menor.

Por exemplo, um market maker pode, simultaneamente, oferecer $350 na compra de cada moeda BNB e vendê-las a $351, criando um spread de $1. Quem quiser operar instantaneamente no mercado deverá atender às suas posições. Sendo assim, o spread é puramente lucro de arbitragem para o market maker, que vende o que compra e compra o que vende.


Profundidade dos gráficos e o bid-ask spread (spread de compra e venda)

Vamos dar uma olhada em alguns exemplos de criptomoedas do mundo real e na relação entre volume, liquidez e spread de compra e venda. Na interface da Binance, você pode facilmente alternar para o modo de visualização do gráfico de [Profundidade] e ver o bid-ask spread (spread de compra e venda). Este botão está no canto superior direito da área do gráfico.


A opção [Profundidade] mostra uma representação gráfica do livro de ordens de um ativo. Em verde, podemos ver a quantidade e o preço das ofertas de compra. Em vermelho, a quantidade e o preço das ofertas de venda. A diferença entre essas duas áreas é o spread, que você pode calcular subtraindo o preço da oferta de compra (verde) do preço da oferta de venda (vermelho).


Conforme mencionado anteriormente, existe uma relação implícita entre a liquidez e menores spreads de compra e venda. O volume de trading é um indicador de liquidez muito usado. Espera-se que ativos com altos volumes apresentem spreads de compra e venda menores, como uma pequena porcentagem do preço do ativo. Criptomoedas, ações e outros ativos muito negociados têm muito mais competição entre os traders, que procuram tirar vantagem do bid-ask spread (spread de compra e venda).


Porcentagem do Bid-ask spread (spread de compra e venda)

Para comparar o spread de diferentes criptomoedas ou ativos, devemos avaliá-lo em valor percentual. O cálculo é simples:

(Preço de Venda - Preço de Compra) / Preço de Venda x 100 = Porcentagem do Spread de Compra e Venda

Usaremos o BIFI como exemplo. No momento da construção deste artigo, o preço de venda do token BIFI era de $907 e o preço de compra, $901. Essa diferença nos dá um spread de $6. Dividindo $6 por $907 e multiplicando o resultado por 100, obtemos o valor percentual de spread de aproximadamente 0,66%.


Agora suponha que o Bitcoin tenha um spread de compra e venda de $3. Embora seja metade do valor do BIFI, quando comparamos em termos percentuais, o spread do Bitcoin é de apenas 0,0083%. O BIFI tem um volume de trading significativamente menor, o que confirma nossa teoria de que ativos menos líquidos tendem a ter spreads de compra e venda maiores.

O valor mais estreito de spread do Bitcoin nos permite tirar algumas conclusões. Um ativo com uma porcentagem de spread menor, provavelmente terá muito mais liquidez. Nesses casos, geralmente há menos risco de pagar um preço que você não esperava ao executar grandes ordens a mercado.


O que é slippage?

Slippage é uma ocorrência comum em mercados com alta volatilidade ou baixa liquidez. Slippage é quando um trade é concluído com um preço diferente do esperado ou solicitado. 

Por exemplo, suponha que você queira colocar uma grande ordem de compra a mercado a $100, mas o mercado não tem a liquidez necessária para atender à sua ordem no preço desejado. Como resultado, você terá de aceitar as ordens seguintes (acima de $100) até que a quantidade da sua ordem seja totalmente atendida. Isso fará com que o preço médio de sua compra seja superior a $100 e isso é o que chamamos de slippage.

Em outras palavras, quando você cria uma ordem a mercado, uma exchange combina, automaticamente, sua solicitação de compra/venda com as ordens Limite do livro de ordens. O livro de ordens combinará sua ordem com o melhor preço disponível, mas se não houver ofertas suficientes que atendam ao seu preço, o sistema usará os preços mais próximos disponíveis. Como resultado, o mercado preencherá sua ordem com preços diferentes e inesperados.

No setor de criptomoedas, o efeito de slippage é comum em Automated Market MakersCorretoras descentralizadas. O valor de slippage pode ultrapassar 10% do preço esperado para altcoins voláteis ou de baixa liquidez.


Slippage positivo

O efeito de slippage não significa necessariamente um preço pior do que o esperado. Pode ocorrer um slippage positivo se o preço diminuir enquanto você cria sua ordem de compra ou aumentar enquanto você cria uma ordem de venda. Embora incomum, o slippage positivo pode ocorrer em alguns mercados altamente voláteis.


Tolerância de slippage

Algumas Corretoras permitem que você defina manualmente um nível de tolerância, limitando o valor de um possível slippage. Você verá essa opção em Automated Market Makers, como o PancakeSwap na Binance Smart Chain e o Uniswap na Ethereum.


A quantidade de slippage definida pode ter um efeito indireto no tempo de conclusão da sua ordem. Se você definir um valor de slippage muito baixo, sua ordem pode demorar muito tempo para ser preenchida ou até mesmo não ser preenchida. Se você definir um valor muito alto, outro trader ou bot pode ver sua ordem pendente e se aproveitar disso (front running). 

Nesse caso, o front running acontece quando outro trader define uma taxa de Gas mais alta do que a sua, para comprar o ativo antes de você. Então, o trader insere uma nova ordem para lhe vender o ativo, pelo preço mais alto que você está disposto a pagar, de acordo com a sua tolerância de slippage.


Minimizando o slippage negativo

Embora nem sempre seja possível evitar o slippage, existem algumas estratégias que podem minimizá-lo.

1. Em vez de criar uma ordem grande, tente dividi-la em blocos menores. Fique de olho no livro de ordens para distribui-las, certificando-se de não criar ordens que ultrapassem o volume disponível.

2. Se estiver usando uma Corretora descentralizada, não se esqueça de considerar as taxas de transação. Algumas redes têm altas taxas dependendo do tráfego da blockchain. Isso pode anular quaisquer ganhos obtidos ao minimizar o slippage.

3. Se você está lidando com ativos de baixa liquidez, como uma pequena pool de liquidez, a sua atividade de trading pode afetar significativamente o preço do ativo. Uma única transação pode apresentar um pequeno valor de slippage, mas muitas transações menores afetarão o preço do próximo bloco de transações que você fizer.
4. Use ordens Limite. Esse tipo de ordem garante que você obtenha o preço desejado (ou melhor) ao fazer trades. Você sacrifica a velocidade de execução oferecido pela ordem a mercado, mas tem a certeza de que não ocorrerá nenhum slippage negativo.


Considerações finais

Ao negociar criptomoedas, não se esqueça de que um spread de compra e venda ou um efeito de slippage pode alterar o preço final de seus trades. Nem sempre é possível evitá-los, mas vale a pena considerá-los em suas decisões. Para trades menores, isso pode ser irrelevante. Mas lembre-se que para ordens de grande volume o preço médio unitário pode ser maior do que o esperado.

Para usuários que estão experimentando as finanças descentralizadas, compreender o slippage é uma parte importante dos princípios básicos de trading. Sem o conhecimento básico, você corre grande risco de perder dinheiro devido ao front-running ou slippage excessivo.