Como Identificar Golpes em Finanças Descentralizadas (DeFi)
Índice
Introdução
Qual é o propósito do projeto?
Atividades de desenvolvimento
Auditorias de contratos inteligentes
Os fundadores são anônimos?
Como os tokens são distribuídos?
Quão provável é um "Exit Scam"?
Considerações finais
Como Identificar Golpes em Finanças Descentralizadas (DeFi)
InícioArtigos
Como Identificar Golpes em Finanças Descentralizadas (DeFi)

Como Identificar Golpes em Finanças Descentralizadas (DeFi)

Iniciante
Published Nov 20, 2020Updated Jan 14, 2022
6m

Aviso: este artigo tem o objetivo de fornecer orientações gerais para ajudar a proteger os usuários e investidores do setor DeFi. Este artigo não aborda todas as possibilidades de golpes e não deve ser considerado um aconselhamento financeiro. A Binance Academy não é responsável por suas decisões de investimento.


TL;DR

À medida que mais pessoas se interessam pelas fascinantes inovações financeiras do setor DeFi, scammers (golpistas) buscam novas maneiras de se aproveitar delas.
O ambiente do setor DeFi pode ser cruel – geralmente, não existem boas maneiras de recuperar fundos ou punir usuários mal-intencionados. No entanto, se estiver bem informado, você será capaz de diminuir drasticamente as chances de scammers (golpistas) prejudicarem você.


Introdução

O setor de Finanças Descentralizadas (DeFi) é muito rico em termos de inovação. Novos projetos DeFi são lançados a cada minuto e é muito difícil de acompanhar esse avanço. O que é ainda mais desafiador, é manter as suas pesquisas em dia.
Costumamos mencionar a característica permissionless de blockchains – que é basicamente uma maneira elegante de dizer que são “públicas”. Ninguém precisa de permissão para usá-las ou desenvolver projetos nelas. Embora esse valor seja inerente a criptomoedas como o Bitcoin, ele também tem seus aspectos negativos.

Qualquer pessoa pode lançar projetos fraudulentos ou enganosos. Nós, como uma comunidade, podemos cooperar para identificar alguns padrões comuns que diferenciam as inovações legítimas das enganosas.

E como podemos identificar tentativas de golpe ou fraude?


Qual é o propósito do projeto?

Pode parecer uma pergunta um pouco óbvia, especialmente se você for novo no setor DeFi.

No entanto, a maioria dos criptoativos não traz nada de novo. É claro que também existem inovações muito empolgantes – afinal, é por isso que estamos todos aqui! Muitos novos projetos, porém, tentam apenas pegar carona aproveitando o crescimento do setor DeFi, sem nem mesmo tentar oferecer algo inovador.

Sendo assim, é uma boa ideia se perguntar – este projeto tenta trazer algo novo/inovador? Este projeto tenta contribuir de alguma forma com a nova economia digital? Qual a diferença entre ele e seus concorrentes? Ele apresenta uma proposta única de valor?

Essas são perguntas muito simples e de senso comum. Mas ao refletir sobre elas, você já é capaz de eliminar boa parte dos golpes.


Atividades de desenvolvimento

Outro fator que podemos observar são as atividades de desenvolvedores. O DeFi está intimamente ligado ao conceito de open-source (código aberto).

Portanto, se você sabe um pouco sobre programação, pode dar uma olhada nos códigos por conta própria. A grande vantagem do open-source (código aberto), é que se houver interesse suficiente em torno de um projeto, com certeza haverá verificação dos códigos por parte de alguns usuários. Isso provavelmente já é o suficiente para saber se o projeto apresenta intenções maliciosas.

Além disso, você também pode examinar as atividades de desenvolvimento. Os desenvolvedores estão enviando novos códigos regularmente? Embora essa métrica possa ser manipulada, ela ainda pode ser um bom parâmetro para avaliar se são desenvolvedores reais ou se eles querem apenas ganhar dinheiro rápido.


Auditorias de contratos inteligentes

A auditoria é uma ferramenta muito utilizada com contratos inteligentes e DeFi. As auditorias supostamente garantem que o código é seguro. Embora sejam uma parte essencial do desenvolvimento de contratos inteligentes, muitos desenvolvedores implantam seu código sem qualquer auditoria. Isso pode aumentar muito os riscos inerentes ao uso desses contratos.

Uma observação importante aqui é que os processos de auditorias são caros. Projetos legítimos geralmente podem pagar por auditorias, mas não é uma prática comum em projetos fraudulentos.

Então, isso significa que se um projeto teve uma auditoria, ele é completamente seguro? Não. As auditorias são necessárias, mas nenhuma jamais garantirá segurança total. Esteja sempre atento aos riscos ao depositar fundos em um contrato inteligente.


Os fundadores são anônimos?

O mundo cripto está imerso na liberdade do anonimato (e pseudonimato) que a Internet pode oferecer. Afinal, provavelmente nunca saberemos a verdadeira identidade de Satoshi Nakamoto – a pessoa (ou grupo) que criou a primeira criptomoeda.

No entanto, equipes com fundadores anônimos ainda representam um risco adicional que você deve considerar. Se eles são golpistas, existe uma chance considerável de que não possam ser responsabilizados pelos seus atos. Embora as ferramentas de análise on-chain estejam ficando cada vez mais sofisticadas, um projeto apresenta menos riscos quando os fundadores têm uma reputação em jogo, a qual está vinculada à sua identidade no mundo real.

É claro que nem todos os projetos liderados por equipes anônimas são scams (golpes). Certamente há muitos exemplos de projetos legítimos com equipes anônimas por aí. Ainda assim, ao avaliar projetos, você deve considerar as implicações relativas ao anonimato da equipe responsável.

Resumindo, projetos com fundadores anônimos são ruins? Não. Projetos com fundadores anônimos são mais difíceis de serem responsabilizados em caso de comportamentos maliciosos? Sim.



Como os tokens são distribuídos?

Ao pesquisar sobre um projeto DeFi, a economia dos tokens é um aspecto crucial a ser considerado. Uma das maneiras que um golpista pode ganhar dinheiro é inflacionando o preço do token, ao mesmo tempo que detém um grande valor de holding. Em seguida, ele "despeja" todos os tokens no mercado. 

O que acontece se, por exemplo, 40%, 50% ou até 60% do fornecimento em circulação for vendido no mercado aberto? O preço do token despenca, perdendo quase todo o seu valor. Para alguns, uma alocação de grande valor do fundador não é considerada um sinal de alerta, mas pode acarretar problemas no futuro. 
Além das alocações, devemos considerar como os tokens são distribuídos. A distribuição é feita por meio de uma pré-venda exclusiva, disponível apenas para pessoas com privilégios que conseguem excelentes negócios e então divulgam o projeto nas redes sociais? É uma Initial Coin Offering (ICO)? Trata-se de uma Initial Exchange Offering (IEO), onde uma corretora cripto está colocando sua reputação em risco? Estão distribuindo tokens através de airdrops que, provavelmente, geram muita pressão de venda?

Os modelos de distribuição de tokens têm muitas nuances a serem consideradas. Em muitos casos, é difícil até mesmo obter essas informações, o que por si só pode ser um sinal de alerta. No entanto, se você busca por uma perspectiva mais ampla do projeto, esta é uma informação absolutamente essencial.


Quão provável é um "Exit Scam"?

O Yield farming (ou mineração de liquidez) é uma nova forma de lançar tokens DeFi. Muitos novos projetos DeFi usam esse método de distribuição, pois ele é capaz de criar algumas métricas de distribuição favoráveis para o projeto. A ideia é simples: os usuários bloqueiam seus fundos em contratos inteligentes e em troca, recebem uma parte dos tokens recém-criados.

Você provavelmente pode ver onde isso está acontecendo. Alguns projetos irão usar somente os fundos do pool de liquidez. Alguns usarão métodos mais sofisticados ou terão uma etapa de pré-mineração. 

Além disso, novas altcoins são geralmente listadas primeiro em automated market makers (AMM) como o Uniswap ou Sushiswap. Se a equipe do projeto está fornecendo uma boa parte da liquidez para o par de mercado no AMM, os membros da equipe podem removê-la e despejar os tokens no mercado. Isso normalmente resulta na drástica queda de preço do token, atingindo um valor próximo de zero. Como basicamente não resta um mercado para venda, esse ato costuma ser chamado de rug pull (em português, "puxar o tapete").


Considerações finais

Independentemente de querer participar do yield farming ou simplesmente usar protocolos descentralizados para câmbio e trade, existem muitos tipos de golpes no setor DeFi que não devemos ignorar. Esperamos que essas instruções possam lhe ajudar a identificar projetos maliciosos e possíveis golpistas com mais facilidade.