O que é Tezos (XTZ)?
Tabela de Conteúdos
Introdução
O que é Tezos (XTZ)?
Como a Tezos (XTZ) funciona
Por que a Tezos (XTZ) é importante
Governança da Tezos (XTZ)
Casos de uso da Tezos (XTZ)
Como armazenar Tezos (XTZ)
Considerações finais
O que é Tezos (XTZ)?
Página Inicial
Artigos
O que é Tezos (XTZ)?

O que é Tezos (XTZ)?

Iniciante
Publicado em Jan 13, 2021Atualizado em Sep 23, 2022
5m

TL;DR

Tezos é um projeto de blockchain que se destaca por seu mecanismo de governança integrado para atualização da rede. As alterações na blockchain da Tezos são propostas de código feitas por pessoas que possuem uma certa quantidade de Tez (XTZ). As propostas são votadas pelos seus pares. Como a Tezos tem um sistema de autocorreção, as atualizações de rede são contínuas e hard forks são desnecessários. 

Introdução

As plataformas de contratos inteligentes constituem um dos setores mais populares e competitivos do setor de criptomoedas. Embora a solução dos problemas tecnológicos atuais seja crucial para o amadurecimento desse setor, existem muitas abordagens diferentes para atender à alta demanda por infraestruturas de contratos inteligentes base-layer (de camada base).

A Tezos emergiu como um membro proeminente no espaço blockchain, pois se tornou a base para uma comunidade global entusiasmada e com modelo de gestão orgânica. O token da Tezos, Tez (XTZ), é usado em um ecossistema crescente de usuários das áreas de finanças descentralizadas, arte, jogos e muito mais. 


O que é Tezos (XTZ)?

A Tezos é uma blockchain desenvolvida para dar suporte e executar aplicativos descentralizados e contratos inteligentes. Inicialmente proposta em 2014, a mainnet (rede principal) da Tezos foi lançada em 2018 e obteve um crescimento constante e notoriedade como rival da rede Ethereum.

O ecossistema da Tezos conta com o apoio de várias entidades em todo o mundo, incluindo a Tezos Foundation, uma entidade suíça sem fins lucrativos responsável por iniciativas que ajudam a aumentar a conscientização e a adoção da blockchain Tezos.

A Tezos realizou uma campanha de arrecadação de fundos em julho de 2017, arrecadando US$ 232 milhões. Foi uma das maiores arrecadações de projetos blockchain de todos os tempos. Em 2018, a mainnet (rede principal) da Tezos foi lançada com sucesso e prosperou durante um mercado de baixa (bear market).

  

Como a Tezos (XTZ) funciona

Os contratos inteligentes na Tezos utilizam a linguagem de programação Michelson, exclusiva da Tezos. Normalmente, eles são escritos usando uma linguagem de mais alto nível como SmartPy, Ligo ou Archetype que é compilada para a linguagem Michelson. Para realizar transações na rede, você usa Gas, que é convertido em taxas da criptomoeda da Tezos, Tez (XTZ).

Tezos é uma blockchain Proof of Stake (PoS). Tecnicamente, ela usa uma variante do PoS chamada Liquid Proof of Stake (LPoS), uma implementação exclusiva da Tezos. 

Os participantes (holders) da rede que possuem mais de 6.000 Tez podem se tornar "delegadores" (conhecidos como “bakers”) que criam, assinam e publicam novos blocos na blockchain da Tezos e aprovam blocos criados por outros bakers. Alternativamente, se um holder de tokens não tiver 6.000 Tez ou não tiver interesse em configurar o hardware necessário, ele pode delegar suas criptomoedas a um baker.

 

Por que a Tezos (XTZ) é importante

A Tezos tem algumas diferenças chave em relação a outras plataformas de contratos inteligentes do setor blockchain.

Os mecanismos de governança on-chain e de autocorreção da Tezos foram projetados para obtenção de consenso em torno das atualizações na blockchain, ao mesmo tempo em que permitem que elas ocorram sem a necessidade de hard forks. Pense no que aconteceu com o famoso hard fork do Bitcoin, Bitcoin Cash. O objetivo da Tezos é evitar esses cenários.
Por conta do mecanismo de autocorreção, a Tezos se adapta facilmente ao cenário regulatório e tecnológico em constante mudança. A Tezos é capaz de implementar atualizações e continuar operando sem muitas interrupções, até mesmo em casos de substituição de componentes fundamentais como o mecanismo de consenso, que ocorreu durante a atualização do protocolo Ithaca 2. Por outro lado, a Ethereum 2.0 será um grande salto para a Ethereum, exigindo que ela opere o que será essencialmente uma nova blockchain.

 

Governança da Tezos (XTZ)

As atualizações da Tezos são implementadas por meio de um modelo de governança on-chain. As alterações na blockchain são enviadas pelos delegadores por meio de atualizações de código e os stakeholders votam para aprovar ou rejeitar as alterações.

Graças a esse modelo de governança on-chain, atualizações importantes podem ser implementadas a qualquer momento – caso os delegadores aprovem as alterações propostas para a blockchain. Isso pode envolver mudanças no sistema, como alterações nas taxas ou no processo dos bakers, ou até mesmo algo tão fundamental quanto o algoritmo de consenso! Isso também resulta em uma comunidade próspera para discutir mudanças e novas regras para melhorar o sistema.

Por exemplo, em abril de 2022, a Tezos implementou a atualização Ithaca 2, que substituiu o algoritmo de consenso da Tezos pelo “Tenderbake”, um algoritmo baseado no Tendermint, introduzido pelo protocolo da Cosmos. Em novembro de 2020, a Tezos passou pela atualização Delphi, que diminuiu o consumo de Gas em cerca de 75%. Essas atualizações podem ser significativas para o desenvolvimento DeFi na blockchain da Tezos e também mostram como a governança on-chain pode se adaptar rapidamente e até mesmo possibilitar a integração de grandes ideias de todo o setor de blockchain.

 

 

Casos de uso da Tezos (XTZ)

Como outras redes de blockchain, a Tezos é uma maneira rápida de verificar transações financeiras com necessidade minimizada de trust. 

Em setembro de 2019, a divisão de crimes cibernéticos da Gendarmerie (C3N) se tornou uma das primeiras agências governamentais a usar a Tezos para a validação de suas despesas judiciais.

A Tezos também pode ser usada para transferir a propriedade de ativos brutos, como imóveis, obras de arte e joias. Por exemplo, uma empresa chamada MountX está usando a Tezos para a tokenização de imóveis no México.

O ecossistema Tezos NFT se tornou especialmente popular – ele atraiu a atenção de grandes marcas e organizações como o Manchester United, a Ubisoft, a Redbull Racing, a McLaren e muitas mais.

 

Como armazenar Tezos (XTZ)

A moeda da Tez, XTZ, pode ser armazenada em carteiras comuns, incluindo muitas carteiras de software, como a Trust Wallet.

Também é possível armazenar Tez nas carteiras de hardware Ledger ou Trezor através de softwares de terceiros. 

Se tiver interesse em fazer staking de Tez, confira nossos produtos de Staking Bloqueado na Binance Earn.


Considerações finais

Embora a Tezos não tenha obtido o mesmo volume em termos de atividades de rede e criação de DApps da Ethereum, não significa que seja uma blockchain sem qualidades e mérito.

Essa abordagem exclusiva de atualizações dinâmicas e votações on-chain tornam a Tez uma plataforma mais ágil do que muitas de suas concorrentes. Isso pode ser uma grande vantagem a longo prazo. 

A Tezos atraiu uma comunidade orgânica com membros criativos que valorizam a proposta descentralizada da rede, a eficiência energética e a ênfase no controle do usuário. 

A Tezos provou sua utilidade e resiliência que podem ser atraentes para muitos clientes e usuários, tanto de organizações governamentais quanto de indústrias.