O que é Tether (USDT)?
P√°gina Inicial
Artigos
O que é Tether (USDT)?

O que é Tether (USDT)?

Iniciante
Publicado em Dec 21, 2020Atualizado em Jun 28, 2024
7m

TL;DR

O Tether (USDT) √© uma das stablecoins mais populares que existe. Foi projetado para manter uma propor√ß√£o de valor de 1:1 com o d√≥lar americano. A moeda existe em muitas blockchains diferentes e, nos √ļltimos anos, apresentou aumentos no volumes de trading e de liquidez.

Como outras stablecoins, o USDT √© √ļtil para o trading de criptomoedas, pois permite que os traders evitem a volatilidade presente nos mercados de BTC e outros criptoativos. O uso de stablecoins tamb√©m remove os custos extras e atrasos na convers√£o (c√Ęmbio) entre criptomoedas e moedas fiduci√°rias.


Introdução

O Tether √© parte fundamental do ecossistema de criptomoedas. Em dezembro de 2020, o Tether estava classificado como a quarta maior criptomoeda do mundo, com uma capitaliza√ß√£o de mercado de quase US$ 20 bilh√Ķes, atr√°s apenas do Bitcoin, Ethereum e ¬†XRP¬†. Muitas vezes o Tether atinge a classifica√ß√£o de moeda com o maior volume di√°rio de trading, ultrapassando at√© mesmo o Bitcoin.

Mas o que √© Tether e como ele pode ser √ļtil para voc√™?


O que é Tether (USDT)?

O Tether (USDT) foi a primeira stablecoin (criptomoeda com valor atrelado a uma moeda fiduciária). Foi originalmente lançado em 2014 com o nome de Realcoin pelo investidor Bitcoin Brock Pierce, o empresário Reeve Collins e o desenvolvedor de softwares Craig Sellers.

O USDT foi originalmente emitido no protocolo bitcoin através do Omni Layer, mas também migrou para outras blockchains. Na verdade, como podemos ver no gráfico abaixo, a maior parte de seu fornecimento atual está na Ethereum como um token ERC-20. Também é emitido em várias outras blockchains, incluindo TRON, EOS, Algorand, Solana e a OMG Network.



O Tether passou por momentos de sucesso e tamb√©m por controv√©rsias ‚Äď como aconteceu com muitas das criptomoedas mais importantes do mundo.

Principalmente em seus primeiros dias, o preço do USDT apresentou uma volatilidade considerável, chegando a US$ 1,2 em determinado momento. No entanto, a moeda experimentou muito menos volatilidade desde o início de 2019. Isso provavelmente se deve a um aumento constante em seu volume de trades e ao avanço geral dos mercados de criptomoedas.


‚ěü Pensando em investir em criptomoedas? Compre Bitcoin (BTC) na Binance!


Como funciona o Tether (USDT)?

A utilidade das Stablecoins está em sua relativa estabilidade, diferentemente dos criptoativos mais tradicionais. Como stablecoin, o atrativo do Tether é seu vínculo/atrelamento ("tethering" ou "pegging") à moeda fiduciária. O USDT foi originalmente atrelado com proporção exata em relação ao dólar americano (USD), mantendo US$ 1 para cada USDT em circulação.

Conforme o whitepaper original do Tether:

Cada unidade de Tether emitida em circulação é vinculada/garantida - em uma proporção de 1 para 1 (ou seja, 1 Tether USDT equivale a 1 dólar americano) - pela unidade de moeda fiduciária correspondente, mantida em depósito pela Tether Limited, com sede em Hong Kong.

Embora o ativo 1:1 original do Tether fosse o USD, houve uma adaptação para incluir o holding/armazenamento de colaterais (garantias) com outros equivalentes de dinheiro, ativos e contas a receber do mundo real.

Como podemos ver no gráfico USDT/USD abaixo, a moeda (geralmente) é negociada a uma taxa estável de 1 para 1 com o USD. No entanto, eventos de mercado mais significativos podem afetar essa proporção do preço.

gr√°fico usdt usd


Por que o Tether (USDT) é importante?

O Tether preenche a lacuna entre as criptomoedas e as moedas fiduci√°rias. Ele oferece uma forma de c√Ęmbio muito simples para os investidores, em propor√ß√£o de 1:1 com o d√≥lar americano (USD), sem a inerente volatilidade da maioria das outras criptomoedas.

Graças a essa estabilidade, os investidores podem manter/armazenar ativos digital como moeda fiduciária comum, mas com a praticidade de poder negociá-las com outras criptomoedas nos mercados cripto. As características do Tether o tornam uma moeda muito popular, embora não seja completamente imune a riscos.

Principais características

  • Propor√ß√£o 1:1 (entre USD e USDT)

  • Estabilidade (tanto quanto o d√≥lar USD pode ser considerado est√°vel)

  • Dispon√≠vel em diferentes blockchains

  • Diferentes casos de uso quando comparados a criptomoedas tradicionais


Casos de uso do Tether (USDT)

R√°pido acesso a um mercado est√°vel

Se o preço do Bitcoin ou outro criptoativo estiver caindo rapidamente, você pode trocá-lo por USDT em instantes, ou seja, não é necessário efetuar um saque.


Fácil movimentação de fundos entre exchanges

Com o Tether, voc√™ pode mover seus fundos entre exchanges/corretoras muito rapidamente. Isso tamb√©m pode ser muito √ļtil para trading de arbitragem com outras moedas.


Trades em exchanges que só operam com cripto

Algumas exchanges não têm recursos para depósitos e saques fiduciários, mas permitem a negociação de USDT. Com o Tether, você pode fazer trades nessas corretoras sem precisar se preocupar com a volatilidade do mercado ao investir seu capital em BTC (ou outras criptomoedas).


Trading no estilo Forex

Como o USDT est√° vinculado ao d√≥lar (USD), voc√™ pode fazer trades no estilo Forex, fazendo o c√Ęmbio de moedas locais (fora dos EUA) por USDT quando o valor estiver alto em rela√ß√£o ao USD. Quando o valor da moeda local cair, voc√™ pode vender seu saldo em USDT ou troc√°-lo por outros ativos.


Como armazenar Tether (USDT)

Além da Binance e outras exchanges de criptomoedas, você pode armazenar seu USDT em várias carteiras de criptomoedas. Isso inclui carteiras para Web e celular (como a Trust Wallet) ou carteiras de hardware de armazenamento a frio (como a Ledger) através de carteiras de software de terceiros.

Como o USDT é emitido em várias blockchains diferentes, você deve garantir que esteja transferindo de/para a mesma rede.

Por exemplo, se voc√™ acessar a p√°gina de saque de USDT da Binance, encontrar√° cinco op√ß√Ķes de rede diferentes para transfer√™ncia: Binance Chain (BEP2), Binance Smart Chain (BEP20), Ethereum (ERC20), Tether (OMNI) e Tron (TRC20).

Op√ß√Ķes de rede para transfer√™ncia de USDT na Binance.


Portanto, tenha cuidado. Se você usar a rede errada, poderá perder seus fundos. Por exemplo, se você tentar enviar USDT Omni para um endereço USDT ERC-20, sua transferência provavelmente será perdida.

Vale notar que, at√© a data de confec√ß√£o deste artigo, em dezembro de 2020, o USDT ERC-20 √© o √ļnico tipo compat√≠vel com a carteira Ledger. Ou seja, o USDT em execu√ß√£o na blockchain do Bitcoin (Omni Layer) n√£o est√° dispon√≠vel para transfer√™ncias em carteiras de hardware Ledger.


Outras criptomoedas Tether

Além do USDT, a Tether também tem outras stablecoins:

  • EURT: moeda Tether atrelada ao Euro

  • CNHT: moeda Tether atrelada ao Yuan chin√™s

  • XAUT: moeda Tether atrelada ao ouro f√≠sico


Você pode ver a quantia de cada moeda em circulação em várias blockchains na página Tether's Transparency.


Considera√ß√Ķes finais

As stablecoins proporcionam muita praticidade no mundo do trading cripto, pois reduzem a necessidade de fazer v√°rias convers√Ķes entre moedas fiduci√°rias e criptomoedas. Ter ativos USDT em m√£os √© com certeza muito √ļtil para trading de criptomoedas.

Embora tenham surgido algumas d√ļvidas sobre a validade das reservas, os volumes nos √ļltimos anos indicam que os usu√°rios t√™m f√© no valor do Tether como stablecoins. Al√©m do USDT, voc√™ tamb√©m pode usar outras stablecoins, como BUSD, USDC, TUSD e PAX.