Minting

Iniciante
O minting é o processo de emissão de novos ativos digitais no ecossistema de criptomoedas. Este método adiciona novas moedas e tokens em circulação, permitindo que sejam negociados ou usados em seu ecossistema. O minting se assemelha à mineração em diversos aspectos. No entanto, existem algumas diferenças cruciais. 
Os sistemas Proof of Stake (PoS) usam o minting para introduzir novas moedas em circula√ß√£o. O sistema usa validadores, ou stakers, para verificar as transa√ß√Ķes e adicionar novos blocos √† blockchain.¬†
Por outro lado, a mineração está vinculada ao mecanismo Proof of Work (PoW). Nesses casos, para criar blocos, os mineradores utilizam hardwares especializados para solucionar quebra-cabeças complexos e criptograficamente difíceis. 

A minera√ß√£o √© um processo que consome muita energia, enquanto a emiss√£o (minting) √© um processo consideravelmente mais ecol√≥gico. Ao contr√°rio da natureza pontual do minting, a minera√ß√£o √© uma atividade cont√≠nua. Ela persiste enquanto a rede blockchain estiver ativa, validando continuamente as transa√ß√Ķes e garantindo sua seguran√ßa.

Além das unidades convencionais de criptomoedas, o minting também é um processo fundamental para a criação de tokens não fungíveis (NFTs). Normalmente, a emissão de um NFT envolve os seguintes passos:
  • Envio das moedas correspondentes para a carteira de criptomoedas. Por exemplo, ETH para NFTs baseados na Ethereum.

  • Registro de uma conta em um marketplace de NFTs como Binance NFT ou OpenSea.

  • Conex√£o da sua carteira ao site.

  • Upload do arquivo digital ou arte que ser√° convertida em NFT.

  • Emiss√£o do NFT.